Quarta, 09 January 2019 10:15

Filho agride e ateia fogo na mãe incomodado com o ronco da idosa Destaque

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Capa agressaoidosaHomem de 48 anos foi preso nesta terça-feira (8) e, segundo a PM, confessou o crime.

 

 

Um homem de 48 anos foi preso em São João da Boa Vista (SP) após agredir e atear fogo na mãe, uma idosa de 73 anos, na madrugada desta terça-feira (8).

Segundo a Polícia Militar, o filho disse que cometeu o crime porque estava incomodado com o ronco da mãe, que não o deixava dormir.

A idosa conseguiu tirar a blusa em chamas, mas sofreu ferimentos na barriga. Levada pela PM para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), ela passa bem.

 

Agressão


O caso aconteceu no Jardim São Lázaro. Segundo a PM, o suspeito agrediu a mãe com um soco no queixo e depois jogou álcool e ateou fogo nela.

O homem foi encontrado dormindo em um dos quartos e foi necessário o uso de algemas e força física moderada para contê-lo.

De acordo com a PM, o homem foi encaminhado ao Plantão Policial, onde o delegado Fabiano Antunes ratificou a voz de prisão pela Lei Maria da Penha por lesão corporal dolosa.

O suspeito foi recolhido na cadeia da cidade onde ficará a disposição da Justiça. O G1 ainda não conseguiu falar com o delegado responsável pelo caso.

 

Fonte: G1.com.br/araraquara
Foto: Carioca/Notícias Policiais

agressao

agressao2

agressao3

agressao4

Portal de Notícias Hora1
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

Informações adicionais

  • Aviso: © Copyright 2016 - Portal de Notícias Hora1 (Portal Process). Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação falado ou televisivo, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do proprietário dos direitos de conteúdo.
Lido 2474 vezes Última modificação em Quarta, 09 January 2019 10:23

Deixe um comentário

Comente à vontade, apenas ressaltamos que nosso Portal Hora1 (Process) não aceita ofensas gratuitas, palavrões e expressões que possam configurar crime, ou seja, comentários que ataquem a honra, a moral ou imputem crimes sem comprovação a quem quer que seja. Seu comentário será aprovado em até 12 horas a partir da postagem.