Segunda, 11 September 2017 15:49

Mulher foi agredida e marido preso em Matão Destaque

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Capa violenciadomestica180A agressão teria acontecido na Vila Cardim na noite de sexta-feira (08), por volta de 19h40, quando a mulher teria recebido vários socos no rosto. Ele foi preso com base na Lei Maria da Penha.

 

Segundo consta em Boletim de Ocorrência, os Policiais Militares William e Welliton atenderam a mais um caso de Violência Doméstica em Matão.

Desta vez aconteceu no bairro Vila Cardim. A Vítima, uma doméstica de 28 anos, declarou aos policiais que após desentendimento com o marido, fora agredida com socos no rosto e puxões de cabelo. E que teria ficado com 2 dentes ‘moles’.

A vítima alega, ainda, que fora ameaçada de morte.

O agressor, um desocupado de 30 anos, confirmou o desentendimento com a esposa e acrescentou que ela o teria mordido e, por isso, “revidou com socos no rosto”.

Ele foi preso e encaminhado ao Plantão Policial, onde a Delegada Dra. Maria Imaculada Silva Ricoldi, ratificou a voz de prisão com base na Lei Maria da Penha e encaminhou o agressor para a Cadeia Pública de Santa Ernestina.

A vítima passou por exames de Corpo de Delito e foi liberada.

Fonte de Informações: Boletim de Ocorrência – Polícia Militar

 

 

Autor da Matéria:

Fábio Pereira

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Informações adicionais

  • Aviso: © Copyright 2016 - Portal de Notícias Hora1 (Portal Process). Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação falado ou televisivo, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do proprietário dos direitos de conteúdo.
Lido 2515 vezes Última modificação em Segunda, 11 September 2017 15:55

Deixe um comentário

Comente à vontade, apenas ressaltamos que nosso Portal Hora1 (Process) não aceita ofensas gratuitas, palavrões e expressões que possam configurar crime, ou seja, comentários que ataquem a honra, a moral ou imputem crimes sem comprovação a quem quer que seja. Seu comentário será aprovado em até 12 horas a partir da postagem.